<%@LANGUAGE="JAVASCRIPT" CODEPAGE="1252"%> AOMS
Mapa do Site:
Colaboradores
 
 

Girassol (Helianthus annuus)


Famosa planta do continente americano da família Asteráceas. Seu caule pode atingir 3 m, tendo no topo uma grande flor com diâmetro com até 30 cm. Curioso da planta é sempre acompanhar a direção do sol, onde seu nome já diz, cujo comportamento é chamado de heliotropismo (hélios: sol e tropos: recursos ou lugares). Seu gênero por sinal significa "flor do sol". Se reproduz por sementes, sendo planta robusta e muito resistente, onde produz flores na primavera e no verão, mas pode florescer o ano todo. De raiz profunda, que desce perpendicularmente ao solo, chegando a medir quase 1,50 m! Os grãos de girassol são bastante energéticos e protéicos, possuindo em média 40% de óleo de alto valor alimentício e 20% de proteínas. São ricas em Vitaminas E, D e Complexo B. Espécies de pássaros se fartam de suas sementes e as abelhas de seu pólen. Os girassóis já eram cultivados pelos incas, há 5.000 AC onde faziam farinha com as sementes. O girassol ainda pode ser utilizada como planta medicinal, alimentícia e na produção de sabonetes finos. O óleo da semente, não é apenas aproveitado na cozinha, como também larga aplicação como biodiesel. Hoje, mais pela civilização, onde tudo na planta se aproveita, sendo os ramos, flores e destacando as sementes. Curiosamente os imigrantes europeus no Brasil, consumiam suas sementes na forma torradas. Na Europa foi introduzida no século XVI onde inicialmente foi para servir como planta ornamental e hortaliça, onde o uso do óleo de sua semente foi um sucesso, pois isso se deveu à falta de outros óleos e a particularidade de congelar a baixas temperaturas. Na Rússia adentrou no início do século passado e hoje é o maior produtor e exportador do mundo. No Brasil, toda a área plantada até 2.007 dava 670 km2. O girassol é nativo dos EUA até o Peru.

Parceiros

Ensino Superior na Fatec Internacional.
Promoção Imperdivel

 
Blog's
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Direitos reservados a AOMS.©