<%@LANGUAGE="JAVASCRIPT" CODEPAGE="1252"%> AOMS
Mapa do Site:
Colaboradores
 
 


Annona coriacea

Família: Annonaceae

Nomes populares: araticum-liso, araticum, marôlo, araticum-dos-lisos, marolinho, araticum-do-campo, araticum-dos-grandes, cabeça-de-negro.

Características: Altura de 3-6 m, com tronco de 20-30 cm de diâmetro. Folhas simples, coriáceas, pilosas na página inferior, de 9-15 cm de comprimento por 7-12 cm de largura.


Ocorrência: Bahia até São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, no cerrado.

Utilidade: A madeira pode ser empregada apenas para confecção de objetos leves, como caixotaria, brinquedos, etc. A árvore possui qualidades ornamentais e pode ser empregada no paisagismo, principalmente na arborização de ruas estreitas; seu único inconveniente é a queda de seus grandes frutos na maturação. Os frutos são comestíveis, tanto ao natural como na forma de suco, sendo inclusive cultivado em muitos pomares domésticos. E útil para plantio em reflorestamentos mistos de áreas degradadas de preservação permanente, tanto por sua adaptação à solos pobres como pela produção de frutos apreciados pela fauna.


Fenologia: Floresce durante os meses de novembro-janeiro. Os frutos amadurecem no período novembro-dezembro.

Obtenção de sementes: Colher os frutos diretamente da árvore quando em inicio de maturação, ou recolhê-los no chão após sua queda espontânea. Em seguida deixá-los em repouso durante alguns dias para iniciar o apodrecimento da polpa e facilitar a remoção das sementes. Isto pode ser obtido através do esfregaço manual em peneira seguida de lavagem em água corrente. Um quilograma de sementes contém aproximadamente 1.450 unidades.

Produção do mudas: Escarificar mecanicamente as sementes antes da semeadura para aumentar a taxa de germinação. Em seguida semeá-las em canteiros ou diretamente em recipientes individuais contendo substrato organo-arenoso. Cobri-las com uma camada de 0,5 cm de substrato peneirado e irrigar duas vezes por dia. A emergência demora 30-60 dias e, a taxa de germinação é geralmente baixa.

O desenvolvimento das mudas é rápido, podendo ser levadas para plantio no local definitivo em menos de 6 meses. O desenvolvimento das plantas no campo, entretanto, é lento.



Parceiros

Ensino Superior na Fatec Internacional.
Promoção Imperdivel

 
Blog's
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Direitos reservados a AOMS.©